Dubladores

Luís Motta


Arquivo de Som:

 
Rei Tritão em A Pequena Sereia (Série)


 
Biografia:

 
Luís Motta foi um dublador carioca.
 

Início

 
Joaquim Motta nasceu em 1935 na Bahia. Começou a carreira como ator. Adotou o nome artístico de Luís Motta desde cedo, mas também era credito nas produções e matérias como Joaquim Motta.

 

Cinema


Um de seus primeiros campos de atuação foi o cinema. Atuou nos filmes Da Terra Nasce o Ódio (1955), Fugitivos da Vida (1957), Xica da Silva (1976), e Quilombo (1984).

 

Rádio Tupi

 

Na Rádio Tupi, esteve por volta de 1960.

 

Jani Fontes, Amélia Simone, e Luís Motta (1961)

 

Na emissora, atuou em novelas, como: A Moeda Maldita (1960), Onde Dormem As Estrelas (1960), As Mulheres São Todas Irmãs (1960), Isto é Amor (1961), Tarde Demais Para Chorar (1962), entre outras.

 

Rádio Globo

 

Alguns anos depois, transfere-se para a Rádio Globo. Na emissora, atuou em várias peças do Teatro X-9, além de novelas, como: Amor de Perdição (1964).

 

TV Tupi

 

Por volta de 1960, esteve na TV Tupi.

 

Na emissora, atuou em peças, como: Atire a Primeira Pedra (1960); e no Teatro de Comédia, em peças, como: A Sombra (1962); entre outras.

 

TV Globo

 

Em 1969, entrou para a Rede Globo. Na emissora, atuou nas novelas: A Ponte dos Suspiros (1969), O Verão Vermelho (1970), e Feijão Maravilha (1979).

 

TV Manchete

 

Anos mais tarde, esteve na TV Manchete, aonde atuou na novela Carmem (1987).

 

Teatro

 

Em 1960, fez uma parceria com os colegas de Rádio Tupi, Ribeiro Fortes e Paulo Gonçalves, e iniciou a companhia Os Associados. A companhia teve apenas uma única peça: Nó de 4 Pernas, em 1960, de Nazareno Tourinho, com direção de Cláudio Correa e Castro, ao lado de Terezinha Moreira, Ribeiro Fortes, Elza Martins, Paulo Gonçalves, Valdir Maia, e Leda Maria, todos colegas das associadas.

 

A peça passou por vários teatros do Rio, e por várias cidades do estado do Rio. Houve uma reestréia da peça em 6 de Outubro de 1961, no Teatro Tijuca, com um elenco modificado: Ribeiro Fortes, Paulo Gonçalves, Luis Motta, Ida Gomes, Elza Martins, Leda Maria, Norka Smith, Terezinha Moreira, Lauro Fabiano, Alberto Herrera, Orlando Tavares, e Édio Guerra. A peça reestreou mais uma vez em final de Março de 1962.

 

Em 1967, participa de uma palestra ilustrada, apresentada pelo Teatro Brasileiro, com patrocínio do Serviço de Teatros Guanabara, no Teatro Gláucio Gill. Na palestra, vários poemas românticos de diversos autores foram lidos por Luís Motta, ao lado de Miguel Rosenberg, Fernanda Montenegro, Jorge Cheques, Roberto de Cleto, Ida Gomes, e Leila Bulcão.

 

Posteriormente, atuou na peça: Ralé (1968), de Maximo Gorki, ao lado de Marco Nanini e grande elenco, no Teatro Novo. A peça foi em prol da Policlínica Israelita do Rio de Janeiro.

 

Entrevistas

 

Em 1986, foi entrevistado com Edna Savaget, na TV Bandeirantes.
 

Dublagem

 

Luís Motta nos anos de 1960


Na dublagem, ingressou no final dos anos de 1950, iniciando na Riosom. Passou por todas as principais empresas de dublagem do Rio, como TV Cinesom, Herbert Richers, Telecine, Delart, entre outras. Como narrador e diretor de dublagem, iniciou na empresa Riosom, no início dos anos de 1960, também dirigindo em outras casas.

 

Luís Motta (1977)

 

Em 1977, Luís Motta, que na época estava em alta dublando o personagem Telly Savalas em Kojak, pede aumento na dublagem do personagem, e é trocado pela Rede Globo. Imediatamente os fãs mandam uma enxurrada de cartas para a Rede Globo, pedindo a volta de Luís ao personagem. Na mesma época, começa a grande greve de dubladores, e Luís adere a ela. Com isso Luís se torna a voz da greve, e é entrevistado por diversas vezes para falar sobre substituição, e sobre o manifesto de sua categoria. Castro Gonzaga o substitui, mas pouco tempo depois ele retorna à seu personagem.

 

Após a greve, Luís não volta a dublar nos estúdios clássicos, ficando apenas na Tecnisom, e na cooperativa Combate, que foi criada após a greve, e posteriormente na Delart. Diferente do que muitos falam, Luís não deixou de dublar na Herbert Richers. Em algumas ocasiões, esteve em produções da empresa, mas em raríssimas vezes.

 

Orson Welles em A Marca da Maldade


Eternizou muitos personagens, principalmente em filmes. Foi a voz de atores, como Orson Welles em Carta Ao Kremlim, e Homem Que Não Vendeu Sua Alma, Vincent Price em A Câmara de Horrores do Abominável Dr. Phibes, e O Abominável Dr. Phibes, John Wayne em Os Filhos de Katie Elder, Rio Vermelho, Telly Savallas em Os Guerreiros Pilantras, Leonard Nimoy em Jornada nas Estrelas V - A Última Fronteira, Jack Palance em Batman (VHS), Peter Boyle em Os Covardes Vivem Bem, Gene Hackman em A Conversação, Laurence Olivier em Othello, Charlton Heston em E O Bravo Ficou Só, Anthony Quinn em Lawarence da Arábia, entre outros.

 

Terry Savalas

 

Em séries, foi a voz do Tenente Theo Kojak interpretado por Telly Savalas em Kojak, Eric Cartwright "Hoss" interpretado por Dan Blocker nas 3 primeiras temporadas de Bonanza, entre outros.

 

Gepeto, Rei Tritão e Bagheera

 

Em desenhos, esteve principalmente em clássicos Disney, dublando personagens, como Rei Tritão na série A Pequena Sereia, Morça em Alice no Pais das Maravilhas, Feliz na dublagem dos anos de 1960 de Branca de Neve e Os Sete Anões, Gepeto na dublagem dos anos de 1960 de Pinóquio, Bagheera em Mogli, O Menino Lobo, Roscoe em Oliver e Sua Turma, além de personagens de outras produções, como a primeira voz de Steve Rogers / Capitão América em Capitão América (1966), Pops Racer na segunda dublagem de Speed Racer, entre outros.

 

Luís Motta alem de ator e dublador, também era um respeitado líder religioso do Candomblé no Rio de Janeiro, e nela era conhecido como Joaquim Motta.
 
Luís veio a falecer no final dos anos de 1990 de um ataque cardíaco, na Bahia, aonde residia.

 
Trabalhos:

 

Filmes

 

- Orson Welles em A Marca da Maldade, A Rosa Negra, Carta Ao Kremlim, Gente Muito Importante, O 3º Homem, O Homem Que Não Vendeu Sua Alma, e Os Bravos Tártaros

- Vincent Price em A Câmara de Horrores do Abominável Dr. Phibes, A Casa do Terror, Bagdá e O Abominável Dr. Phibes

- George Kennedy em Aeroporto 75 (2ª Dublagem), Corra Que a Polícia Vem Aí e Corra Que a Polícia Vem Aí 2 1/2 (TV a Cabo)

- John Wayne em O Morro dos Maus Espíritos, Os Filhos de Katie Elder, Rio Vermelho

- Sargento Big Joe (Telly Savallas) em Os Guerreiros Pilantras

- Dr. Ray Flemming (Gene Barry) em Formula Para Matar
- Sr. Spock (Leonard Nimoy) em Jornada nas Estrelas V - A Última Fronteira
- Carl Grissom (Jack Palance) em Batman (VHS)
- Pierre (Adolphe Menjou) em Assim São Os Fortes
- Inpector (Aubrey Mather) em O Médico e o Monstro
- Percy Garris (Strother Martin) em Butch Cassidy
- Barry Fenaka (Peter Boyle) em Os Covardes Vivem Bem
- Narrador / Apresentador (Bill Burrod) em Mundo Animal
- Harry Caul (Gene Hackman) em A Conversação
- Sallah (John Rhys-Davies) em Indiana Jones e Os Caçadores da Arca Perdida
- Marcus Brody (Denholm Elliott) em Indiana Jones e a Última Cruzada
- Campbell (William Demarest) em A Fuga do Forte Bravo
- Juiz Chamberlain Haller (Fred Gwynne) em Meu Primo Vinny
- Sargento Eliot "Mac" (Bill Duke) em Predador
- Othello (Laurence Olivier) em Othello
- Gângster Johnny (Ralph Foody) em Esqueceram de Mim
- Harvey Pollitt "Velho" (Burl Ives) em Gata Em Teto de Zinco Quente
- Incacha (Abraham Sofaer) em A Selva Nua
- Sr. Henderson (Lawrence Tierney) em O Maior Espetáculo da Terra
- Buster (George Wendt) em Fábrica de Loucuras
- Sr. Tonit (Wilton Graff) em Lili
- Polybius (Andrew Keir) em A Queda do Império Romano
- Coronel Erhardt (Charles Durning) em Sou Ou Não Sou
- Will Penny (Charlton Heston) em E O Bravo Ficou Só
- Auda Abu Tayi (Anthony Quinn) em Lawarence da Arábia
- Howard Joyce (James Stephenson) em A Carta
- Knauer (William Fichtner) em Golpe Baixo
- Coronel Powers (Ronny Cox) em Apuros e Trapalhadas de Um Herói
- Senor Ferrari (Sydney Greenstreet) em Casablanca
- Dr. Franz Edlemann (Onslow Stevens) em A Casa do Drácula
- Addison De Witt (George Sanders) em A Malvada
- Joseph Banks (Henry Stephenson) em O Grande Motim
- Morty (Harvey Atkin) em Almondegas
- Jake Kranmer (Barton McLane) em O Último Refúgio
- Randolph Duke (Ralph Bellamy) em Trocando As Bolas

- Tio Remus (James Baskett) em A Canção do Sul (2ª Dublagem)
- Major-General Mann (Les Tremayne) em Guerra dos Mundos (1953)
- Ton (Mark Joy) em Passado Perigoso
- Ira (Zach Norman) em Tudo Por Uma Esmeralda
- Reverendo Phelps (Andra R. Ward) em Operação Kickboxer 3: Sem Retorno

 

Séries

 

- Tenente Theo Kojak (Telly Savalas) em Kojak
- Eric Cartwright "Hoss" (Dan Blocker) em Bonanza (1ª, 2ª e 3ª Temporadas)

 

Desenhos


- Deus-Tigre em Aladdin (Longa-Metragem)

- Rei Tritão em A Pequena Sereia (Série)

- Morça em Alice no Pais das Maravilhas (Longa-Metragem - 2ª Dublagem)

- Feliz em Branca de Neve e Os Sete Anões (Longa-Metragem - 2ª Dublagem)

- Gepeto em Pinóquio (Longa Metragem - 2ª Dublagem)

- Bagheera em Mogli, O Menino Lobo (Longa-Metragem)

- Caco em A Dama e o Vagabundo (Longa-Metragem)

- Frei Tuck em Robin Hood (Longa-Metragem)

- Diretor do Circo em Dumbo (Longa Metragem - 2ª Dublagem)

- Roscoe em Oliver e Sua Turma (Longa-Metragem)

- Coruja em Puff e a Àrvore de Mel (Curta-Metragem) e Puff e o Dia Chuvoso (Curta-Metragem)

- Steve Rogers / Capitão América (primeira voz) em Capitão América (1966)

- Pops Racer em Speed Racer (2ª Dublagem)

- Lycos em De Volta Ao Planeta dos Macacos (Desenho)

- Grandão em A Polegarzinha (Longa-Metragem)

- Mister Magoo em Mister Magoo - As Maiores Historias de Todos os Tempos

 

Trabalhos de Direção de Dublagem:

 

Filmes

 

- Mares da China

- Mrs. Parkington, A Mulher Inspiração

 

Links Relacionados:

 
Reportagem Com Alguns Dubladores da Época - 19/09/1965

Reportagem nos Estúdios da Herbert Richers - 06/06/1976

 

Fontes: Acervo Pessoal, Dublanet, Ricardo Ribeiro, Jornal do Brasil, Marcos Pedini, Augusto Bisson, Revista do Rádio, Jaerte Antonio Junior, Ricardo Salles Zardoz, Tribuna da Imprensa, Correio da Manhã, Diário de Notícias, Disney.Wikia.com, Quotation Of, Disney Clips, Wikipédia, IMDB, Film Forum.