Dubladores

Zezinho Cútolo


Arquivo de Som:

 
Elroy Jetson em Os Jetsons e Os Flintstones Se Encontram


 
Biografia:

 
Zezinho Cútolo foi um dublador Paulistano.

 

Início

 

José Cútolo nasceu em 2 de Fevereiro de 1931, em São Paulo, Capital.

 

Rádio Record

 

Começou a carreira em 1939, aos 9 anos de idade, na Rádio Record, levado por sua irmão em um programa de calouros. Um tempo depois, entra para o elenco de rádioteatro da emissora à convite do núcleo, Otávio Gabus Mendes, mas teve que ter sido aprovado pelo juizado de menores para desempenhar seu papel na emissora.

 

Rádio Difusora

 

Ficou muitos anos na emissora, até quando em meados dos anos de 1940, entra para a Rádio Difusora. Fica na emissora até Dezembro de 1946, quando se transfere para a Rádio Bandeirantes.

 

Rádio Bandeirantes

 

Na emissora, participou de inúmeros trabalhos. Entre eles em novelas como Lar, Doce Lar (1947), no programa Novela de Todo o Dia (1947), que apresentava várias rádionovelas, atuando ao lado de Gessy Fonseca, Castro Gonzaga, Alceu Silveira, e muitos outros, e programas, como O Expresso da Alegria (1947), famoso programa do canal na época, entre muitos outros.

 

Zezinho Cutulo na década de 1940

 

Existiu um centro de luta livre e boxe em São Paulo por volta de 1950, só para radioatores. Zezinho era um de seus frequentadores. Outros rádioatores, como Alceu Silveira, também o frequentava.

 

Rádio Cultura e Rádio Tupi

 

Por volta de 1950, vai para a Rádio Cultura 1950, e alguns anos depois para a Rádio Tupi.

 

Rádio Bandeirantes

 

No final dos anos de 1950, retorna para a Rádio Bandeirantes, aonde começa a trabalhar com Ronaldo Baptista. No decorrer dos anos, atua em diversas novelas na emissora, entre elas está Maria Sem Deus (1964), ao lado de Ronaldo Baptista, e Muíbo Cury, entre outras.

 

Dublagem

 

Na época que retorna para a Bandeirantes, é que surgiu o convite para entrar na dublagem. Foi por volta de 1959, e o convite partiu do diretor artístico da GravaSon,  Glauco Laurelli, para dublar na série Rin-Tin-Tin, convite esse que partiu da recomendação de Ronaldo Baptista, que também atuara na série de mesmo nome. A partir daí seguiu carreira na dublagem.

 

Zezinho, mesmo depois de grande, sempre era chamado, tanto na rádio, quanto na dublagem para fazer personagens crianças e pré-adolescente. Isso se perdurou por toda a sua história nesses dois veículos.

 

Zezinho seguiu carreira na GravaSon / AIC / BKS, passando também pelo Núcleo de Dublagem da TVS (Elenco e Maga), e Álamo. Esse último foi o estúdio de maior atuação nos últimos anos em que dublou.
 

Rusty em As Aventuras de Rin-Tin-Tin


Entre os seus personagens, começamos com as séries que tanto Zezinho foi marcado, como Warren Enright interpretado por Daryl Bartley em Super Vicky, Rusty interpretado por Lee Aaker em As Aventuras de Rin-Tin-Tin, a segunda voz de Israel Boone interpretado por Darby Hinton em Daniel Boone, além das séries japonesas como Ball Boy interpretado por Machiko Soga em Machineman, Akira Suzuki interpretado por Katsuya Koiso em Sharivan, o Guardião do Espaço, Boris dublado originalmente por Kazue Ikura em Policial de Aço Jiban, alem de participações em Black Kamen Rider, entre outros.

 

Picolino


Em desenhos, Zezinho também marcou em muitos papéis, como Harold Berman em Hey, Arnold!, Breezy, Homero e Chilly Willy / Picolino nas dublagens feitas em meado dos anos de 1980 em Pica Pau, a primeira voz de Franz Charming na dublagem dos primeiros episódios de A Princesa e o Cavaleiro na AIC, Hadji nos remakes dos anos de 1980 de Johnny Quest, Doraemon em Doraemon, Massaru em Akira, Elroy Jetson nos remakes dos anos de 1980 de Os Jetsons, Elroy Jetson e Rosie no longa-metragem Os Jetsons e Os Flintstones Se Encontram, John em A Volta dos Ursinhos Carinhosos, entre outros.
 
Em filmes não teve grande notabilidade, mais fez as suas participações, como Chip Anderson interpretado por Renato Cestiè em Que Assim Seja, Trinity, Joe Harper interpretado por Shawn Carson em Pague Para Entrar, Reze Para Sair, Damien Thorn interpretado por Jonathan Scott-Taylor em Damien - A Profecia, Michael Brody interpretado por Chris Rebello na primeira dublagem de Tubarão, Tai interpretado por Ernie Reyes Jr. em O Último Dragão, Jimmy Fee interpretado por Michael Shea em O Homem Com a Morte Nos Olhos, entre outros.
 
Zezinho Cútolo se aposentou no início dos anos de 2000.

 
Trabalhos:

 

Filmes

 

- Anthony (Edwin Kinter) em Rompendo Correntes
- Jimmy Fee (Michael Shea) em O Homem Com a Morte Nos Olhos

- Michael Brody (Chris Rebello) em Tubarão (Primeira Dublagem)
- Tai (Ernie Reyes Jr.) em O Último Dragão

- Damien Thorn (Jonathan Scott-Taylor) em Damien - A Profecia
- Vern Tessio (Jerry O'Connell) em Conta Comigo
- Rool (Kevin Pollak) em Willow - Na Terra da Magia (Vhs)

- Joe Harper (Shawn Carson) em Pague Para Entrar, Reze Para Sair
- Thomas Barrett Jr (Sven Valsecchi) em Sela de Prata
- Chip Anderson (Renato Cestiè) em Que Assim Seja, Trinity

 

Séries

 

- Warren Enright (Daryl Bartley) em Super Vicky
- Rusty (Lee Aaker) em As Aventuras de Rin-Tin-Tin

- Israel Boone (Darby Hinton) (segunda voz) em Daniel Boone

- Ball Boy (Machiko Soga) em Machineman
- Akira Suzuki (Katsuya Koiso) em Sharivan, o Guardião do Espaço
- Boris (voz) (Kazue Ikura) em Policial de Aço Jiban

 

Desenhos

 
- Harold Berman em Hey, Arnold!
- Chilly Willy / Picolino (uma das vozes), Breezy e Homero em Pica Pau
- Franz Charming (primeira voz) em A Princesa e o Cavaleiro (AIC)
- Elroy Jetson em Os Jetsons (Anos de 1980)
- Elroy Jetson e Rosie em Os Jetsons e Os Flintstones Se Encontram
- John em A Volta dos Ursinhos Carinhosos
- Cobi em Cobi - O Mascote Genial
- Chuckie em Meu Monstro de Estimação
- Doraemon em Doraemon
- Massaru em Akira (VHS)
- Christopher em Rei Arthur (Desenho)

- Hadji em Johnny Quest (Anos 1980)

- Hiro em As Novas Aventuras da Turma da Mônica (Longa-Metragem)

 

Fontes: Wikia, Acervo Pessoal, Universo AIC, Revista do Rádio, Dublanet, O Governador, Jornal de Notícias, Diário da Noite, Flickr, Deviant Art.